Leões comem caçadores de rinocerontes na África do Sul

Que ironia da vida, em um momento você pode ser o caçador e em outro você pode ser a presa.

Algo muito semelhante aconteceu a dois caçadores furtivos de rinocerontes, que por razões desconhecidas acabaram sendo devorados por leões em uma reserva africana .

Os restos mortais dos caçadores foram descobertos por um guarda florestal que passeava pela reserva de caça de Sibuya, no Cabo Oriental , muito perto de uma manada de leões.

Nick Fox, dono da Reserva de Caça Sibuya, disse que duas ou três pessoas aparentemente morreram.

No mesmo local, a polícia e uma unidade antifraude encontraram um machado, três pares de sapatos e luvas. Dias antes os leões tinham sido ouvidos fazendo uma comoção.

Fox comentou que eles tinham imaginado que eles eram caçadores, mas quando eles observaram o machado, eles confirmaram isso.

Você sabia que a África do Sul abriga 80% dos rinocerontes do mundo?

Mas a população de rinocerontes na China e no Vietnã se esgotou devido à caça furtiva. Na Ásia, o chifre de rinoceronte é muito cobiçado quando usado como medicina tradicional.

Infelizmente, mais de 1000 rinocerontes foram mortos na África do Sul no ano passado. Devido a este tipo de situações , criaram-se grupos como os Black Mambas , dedicados a proteger os rinocerontes sem a necessidade de usar armas.

É importante proteger a natureza e tudo o que existe dentro dela, porque se não o fizermos, poderemos terminar com toda a vida no planeta Terra.

Estudante salva a vida de uma criança que se afogou com um doce no metrô aplicando um truque aprendido na aula

Mãe dá à luz seu primeiro bebê – Ao retornar do hospital, ela descobre que sua gravidez não terminou aí …